Minha marca não emociona! E agora?

Posted by on ago 22, 2019 in Blog | Acompanhe nossas notícias | No Comments

Minha marca não emociona! E agora? Pois eu lhes digo, AS EMOÇÕES LIBERTAM AS MARCAS DA ESCASSEZ!

Para ser reconhecido é preciso reconhecer também! Ninguém pode doar o que não tem dentro do coração.

Se você não valorizava o mundo das marcas, tá tudo bem. Mas agora chegou a hora de você pensar nisso com muito carinho e cuidado.

Se queremos ser reconhecidos pelo que fazemos, precisamos abrir a cabeça para aprender o poder que as marcas têm. E o movimento do branding tem crescido no Brasil justamente por causa das emoções que as marcas buscam despertar nas pessoas.

Já dizia um grande mestre: “A única coisa importante está em como você toca as pessoas… UM SENTIMENTO PERDURA, as teorias não.” Essa frase é do Peter Druker. E é aqui que eu quero chegar contigo. Você não compra um produto. Você compra uma experiência. Você não compra uma marca. Você compra um sentimento!

Sua empresa tem a árdua tarefa de precificar, a contrapartida pelo que ela entrega para as pessoas. Vão perguntar: quanto é? E é aí que em alguns momentos nos perdemos. Porque nós temos muito claro em nossa mente tudo que passamos para estar ali. Nosso carinho, dedicação e até sacrifícios. Mas o que deveria fazer o cliente de forma mágica perceber tudo isso e dar o dinheiro dele para você?

Pouca coisa hoje nos impressiona. Estamos acostumados com números grandiosos. Tudo parece que passou a ser grandioso. A quantidade de informação causa dificuldade na atenção e na percepção de valor. Temos muitas opções e pouco tempo. A maioria dos produtos oferecem qualidade e recursos similares. E tendemos a fazer nossa escolha pela confiança.

E confiança tem a ver com o SENTIMENTO que as marcas causam nas pessoas. É fácil ou difícil conseguir? É abundante ou escasso? Sem ter como comparar, não conseguimos julgar. Para poder julgar um produto ou serviço, você precisa ter um parâmetro. E é aí que entra a estratégia de diferenciação. O barato ou caro depende de uma série de fatores circunstanciais. O que ganha o jogo é quando o cliente VÊ VALOR NA SUA MARCA.

A gente tá aqui para isso, desmistificar o branding, ajudar você a se diferenciar e criar valor para a sua marca! Manda um direct e vamos conversar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *